Estudo Regional Comparativo e Explicativo (Erce)

O Estudo Regional Comparativo e Explicativo (Erce) é uma avaliação internacional direcionada aos países da América Latina e Caribe, realizada, periodicamente, desde 1997. O Brasil participa do Erce desde o início da avaliação.

Conduzido pelo Laboratório Latino-americano de Avaliação da Qualidade da Educação (LLECE), ligado à Oficina Regional de Educação para América Latina e Caribe (OREALC/UNESCO Santiago), o Erce monitora os avanços na aprendizagem dos estudantes da região.

Os países participantes do LLECE são Argentina, Brasil, Bolívia, Chile, Colômbia, Costa Rica, Cuba, Equador, Guatemala, Honduras, El Salvador, México, Nicarágua, Panamá, Paraguai, Peru, República Dominicana e Uruguai. O Inep é o órgão responsável pelo planejamento e a operacionalização do Erce no Brasil. 

Os estudantes são avaliados em leitura, escrita, matemática e ciências. Além disso, o Erce também busca identificar fatores associados à aprendizagem. No Brasil, os testes e questionários são aplicados em turmas do 4º ano (apenas leitura, escrita e matemática) e 7º ano do ensino fundamental.

Página atualizada em: 25 junho 2020